Ensino/Cursos » Licenciatura

Semiologia

INP-Instituto de Novas Profissões

Licenciatura em Relações Públicas e Publicidade

Ano: 2º / Semestre II/ Turma: M/N
ECTS: 5 / Horas/semana: 1,5
Docentes: Professor Doutor Luís Filipe B. Teixeira e Dr.Henrique Areias

Objectivos

Proporcionar aos alunos o conhecimento da conceitos fundamentais da Semiótica. Analisar a comunicação como transmissão de mensagens e como uma produção e troca de significados, com fulcral incidência na ciência dos signos e dos significados. conforme os conteúdos programáticos abaixo indicados.Desenvolver no aluno a capacidade de uma abordagem semiótica ao discurso publicitário.

Avaliação

Uma frequência no final do semestre (incluindo uma questão prática de análise) (Exame para quem obtiver – na média final – entre oito (inclusive) e nove (inclusive) valores (tal como indicado em regulamento da Licenciatura).

Programa

I. Introdução

1. Semiótica: Definição e Conceitos.
2. A Semiologia e a Semiótica
3. A Semiologia e a Hermenêutica.
4. A Problemática da Semiologia
5. Os fundamentos de uma Teoria Geral da Significância: O processo de semiotização (Forma/Sentido)

II.Um modelo para a reflexão: O que os «discursos dizem» e o que «fazemos com eles».

• Nomes, Coisas e acções: O regresso de um velho mito (Adão)
• O Nome e o Verbo (Crátilo de Platão)
• O que é uma "coisa" (Sto Agostinho)
• A semiologia textual

III Semiologia da Comunicação

• Sentido, Referência e Comunicabilidade (os primórdios)
• A Representação do Signo (As Palavras e as Coisas, Foucault)
• Significação vs Comunicação
• Noção de código (tipos:Analógicos/Digitais; Arbitrários; Estéticos; Metáfora;Espaço; imagem)
• Saussure e a Semiologia (Significado/Significante; Sintagma/Paradigma; Língua /Fala)

IV. Aplicações da Semiologia (Semiologia textual; Banda desenhada; Pintura; Fotografia; Cinema; Videojogos; Publicidade)

V. A análise semiótica da publicidade

1. Elementos de história da publicidade e massificação do consumo.
2. Dinâmica sociológica do consumo
3. Aproximações semióticas à publicidade
4. Publicidade e Cultura de Massas
5. A moda como signo
6. Diferenciação e indiferenciação social na moda e na publicidade

Bibliografia básica (Oportunamente será fornecida bibliografia complementar)

Aarseth, Espen (2005), From Hunt the Wumpus to EverQuest: Introduction to Quest  TheoryEntertainment Computing - ICEC 2005, vol. 3711, pp. 496-506, 2005

Aarseth, Espen (2007), I fought the law: Transgressive play and the implied player

Babo,M. A. E Mourão; José A. (2001), O Campo da Semiótica, RCL, Maio de 2001. Lisboa:Relógio d’Água

Barthes, Roland (1989), Elementos de Semiologia, Lisboa: Edições 70

Barthes, Roland (1989), O Grau Zero da Escrita, Lisboa: Edições 70

Carmelo, Luís (2003), Semiótica: Uma introdução, Lisboa: Europa-América

Eco, Umberto (1997) O Signo, Lisboa: Presença

Fidalgo, António (1999), «Da Semiótica e seu objecto», in Comunicação e Sociedade, I, Cadernos do Noroeste, Série Comunicação, vol. 12 (1-2), 1999: 19-40.

Fidalgo, António – Semiótica: a Lógica da Comunicação. Covilhã: Universidade da Beira Interior, 1997

Fidalgo, António (s.d.) «A Semiótica e os modelos de comunicação», Covilhã, UBI

Fiske, John (1993) Introdução ao Estudo da Comunicação, Lisboa: Asa

Loureiro, Guilherme, Games, ingames e adgames, in Game Cultura

Myers, David (2006), Signs, Symbols, Games, and Play, in Game and Culture, Volume 1 Number 1, January 2006 47-51

Myers, David (2004), The anti-poetic: Interactivity, Immersion, and other semiotic functions of digital play, COSIGN 2004, 14 – 16 September 2004, University of Split (Croatia)

Teixeira, Luís Filipe B. (2004), Hermes ou a experiência da mediação (Comunicação, Cultura e Tecnologias), Lisboa: Pedra de Roseta

Toussaint, Bernard (s.d.), Introdução à Semiologia, Lisboa: Europa-América

voltar


Enviar    Imprimir

Copyright © 2017 | Luis Filipe B. Teixeira
powered by: CANALPT
Creative Commons License