Início

Obituário (1927-2007)

Faleceu o Professor Manuel José Lopes da Silva
 
 

Cada um é um mundo; e como em cada fonte
Uma deidade vela, em cada homem
          Porque não há de haver
          Um deus só de elle homem?

Na encoberta sucessão das cousas,
Só o sábio sente, que não foi mais nada
          Que a vida que deixou.

Ricardo Reis, 52-35r
 
Infelizmente, nem sempre os «Destaques» são positivos. É com profunda tristeza que lamentamos informar que faleceu esta madrugada (18/06) um grande Senhor, Colega e insigne Académico mas, sobretudo, excelente Amigo: o Professor Doutor Manuel José Lopes da Silva, Doutor e Agregado da Universidade Técnica de Lisboa, Professor Catedrático Jubilado do Instituto Superior Técnico, da Universidade Católica de Lisboa e da Universidade Nova de Lisboa, na área dos sistemas e políticas da Comunicação. As Ciências da Comunicação em Portugal ficaram mais pobres, assim como nós, seus Amigos e Colegas que com ele privámos, bem como a SOPCOM-Associação Portuguesa de Ciências da Comunicação que ajudou a fundar. Do seu extenso currículo, destacamos: Fundador e Director de Investigação da RTP até 1987; Presidente da Direcção do Curso de Ciências da Informação da Universidade Católica Portuguesa de 1980 a 1982;Membro do Conselho Nacional de Telecomunicações de 1980 a 1983;Membro da Direcção do Instituto de Tecnologia Educativa de 1983 a 1987;Membro da Direcção da Associação Portuguesa para o Desenvolvimento das Comunicações (APDC) de 1985 a 1988;Presidente da Comissão Externa de Avaliação dos Cursos de Ciências da Comunicação da Fundação das Universidades Portuguesas em 2000;Presidente da Assembleia Geral do Centro de Estudos de Comunicação e Linguagens da Universidade Nova de Lisboa até 2004;Publicou inúmeros estudos da sua área em revistas nacionais e internacionais, tendo apresentado comunicações em Colóquios, Encontros e Congressos nacionais e internacionais da especialidade;Publicou mais recentemente artigos no jornal Expresso, Jornal de Notícias, Diário de Notícias e, ainda, critica de TV no Semanário «Notícias da Covilhã».Alguns dos seus artigos estão disponíveis on-line, nomeadamente, alguns artigos de opinião sobre o consumo dos média. No dia 3 de Junho de 1997 proferiu a sua Última Lição na Universidade Nova de Lisboa, para onde entrou em 1982, tecendo o «Diagnóstico Sistémico da Sociedade Pós-Industrial» (Cadernos de Comunicação e Linguagens, 2ª Série, nº 1, Março de 1998, pp. 19-43), texto esse que aqui disponibilizamos com as devidas autorizações Familiares, que muito agradecemos e que representa, pela nossa parte, uma justíssima e singela homenagem In Memoriam. Entre os seus livros mais importantes encontram-se Temas Filosóficos de Comunicação (1981) e, mais recentemente, Quatro Cosmovisões (2004), onde aborda os pensamentos de Aristóteles, Santo Agostinho, Galileu, Comte e Heisenberg. Aqui lhe prestamos uma comovida e saudosa homenagem, nestas «Escritas Mutantes» que, ele próprio, incentivou com amigáveis e sábias palavras.Esforçar-nos-emos sempre por honrar a Memória da sua Amizade com o nosso labor Científico e Académico.
 
O funeral realiza-se amanhã, dia 19 de Junho, em Donas, Fundão.

voltar


Enviar    Imprimir

Copyright © 2017 | Luis Filipe B. Teixeira
powered by: CANALPT
Creative Commons License